2018, Oxóssi, Sesc consolação.

Apresentações: 22 e 23 de Agosto de 2018, SESC Consolação- sala beta

Sesc consolação Oxóssi

Essa dança teve como ponto de partida o convite do Centro Cultural São Paulo, em 2017, para a criação de uma homenagem em dança para Denilto Gomes, importante artista da dança paulista. Denilto foi um dos principais intérpretes do diretor Takao Kusuno, introdutor do Butoh no Brasil. A partir do vídeo Oxóssi de Denilto Gomes, crio minha representação de Oxóssi, meu orixá de cabeça como o de Denilto. Esse processo de criação continua através de estudos de religiões do Leste oriente que como no candomblé também cultuam a natureza como o Xintoísmo no Japão e o Taoísmo na China. Uma dança que segue seu caráter de homenagem e que lança essa flecha para todas as forças inexplicáveis, para as mães e pais de santos, para os senseis, mestres zens, para os Deuses, Santos, Kamis e Orixás, para as florestas e matas, para o invisível, para Oxóssi e para todo o mistério.

 

FICHA TÉCNICA

 

Criação e Dança: Eduardo Fukushima
| Dramaturgia: Beatriz Sano
| Música: Tom Monteiro
| Iluminação: Gabriela Luiza
| Figurino: Alex Casimiro
| Música de agradecimento: “Querer Cantar”: Iara Rennó e Gustavo Galo | Origami: Bruna Sano
| Objeto de Cena: Theo Craveiro | Produção: Carolina Goulart | Agradecimentos: Hideki Matsuka, Andrea Tomioka, Andréia Nhur e João Victor Velame | Duração: 35 minutos | Classificação: Livre

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s